A farda, segundo Padrinho Alfredo

Quanto ao material a ser utilizado, a escolha do tecido é livre. Usualmente dá-se preferência a tecidos que não amassem.

FARDA BRANCA FEMININA

1. A parte branca: pode ser saia e blusa separados ou em forma de vestido.

A saia
• Normalmente utiliza-se uma pala em média de 12 a 15 cms, com objetivo de ter pouco volume de tecido entre o quadril e a cintura. Normalmente a saia é transpassada na frente, ou seja,aberta, para facilitar passar a ferro.
• O comprimento da saia é livre, desde que seja abaixo do joelho.
• A largura e profundidade das pregas também é livre. No Mapiá a tendência é o uso de pregas estreitas.
• Não é aconselhável o uso de pregas estreitas com pouco tecido para a roda, pois a saia marcará o formato dos quadris.

A blusa
• A blusa é abotoada na frente.
• A manga é comprida, com ou sem punho
• A gola é esporte simples, normalmente usa-se abotoada.
• Aconselha-se que a blusa seja mais ou menos certa no corpo, ou seja, ombro no lugar, ligeiramente acinturada na costura do lado e com penses na cintura na frente e nas costas.
O vestido
• O corpo do vestido segue a instrução acima, sendo ele de cintura baixa, em média de 10 a 12 cms abaixo da cintura.
• A saia acompanha o abotoamento da blusa, sendo usualmente fechada com colchetes, mas a escolha do tipo de fecho é livre.

2. A parte verde: possui um saiote e faixas

O saiote
• O comprimento acompanha um palmo bem aberto da dona da farda, não incluindo a largura do cós.
• A largura das pregas é livre, sendo que a tendência no Mapiá ´é de pregas estreitas.
• O saiote é transpassado na frente, ou seja, aberto, fechando na lateral

As faixas
• A largura varia entre 3 e 4 dedos, conforme o tamanho da pessoa
• As faixas são todas da mesma largura, assim como as divisas
• As divisas são as faixas laterais, sobre a saia branca, sendo debaixo do saiote
• O comprimento das divisas acompanha o comprimento da saia branca
• As fitas que fazem parte da farda também acompanham o comprimento da saia branca
• O tipo de material das fitas, a quantidade e as cores são livres, não se utilizando o vermelho e o preto.

Posição das faixas para as mulheres
• A metade da faixa inteira é colocada sobre o ombro esquerdo. A faixa vem passando entre os seios e se junta com a parte de trás mais ou menos 3 dedos abaixo da cintura. No meio desse encotro fica o laço.
• No braço (a parte pequena da faixa) é costurado 2 dedos acima da linha que corre de um bico ao outro do seio. É bom que o braço tenha de comprimento somente um dedo a mais que o ombro
• as fitas deverão ser costuradas na altura do ombro esquerdo por baixo da faixa.

Para meninas e moças
• A metade da faixa inteira é colocada sobre o ombro direito.
• O braço fica sobre o ombro esquerdo, onde as fitas são colocadas.

A estrela

• Nas fardas das mulheres é colocada no braço ( a parte pequena da faixa verde) direita
• Nas fardas das moças e meninas é colocada no braço da faixa esquerda

A rosa, a palma
• É utilizada somente pelas mulheres e é colocada na faixa grande, à esquerda; a palma é utilizada pelas moças e meninas e é colocada na faixa grande, no lado direito

3. A Coroa

• A escolha do modelo da coroa é livre, podendo ser aberta ou fechada (feita em nossa irmandade, não confundir com as vendidas em casas de noivas)

4. O Sapatos e Meias são brancos. Não se utiliza sandália
FARDA AZUL FEMININA

• A saia é azul marinho, pregueada até a cintura
• A blusa é branca, abotoada na frente, manga curta e gola esporte simples
• O bolso da blusa é colocado na esquerda em cima do busto. No bolso está estampado o emblema da doutrina (CRF)
• A blusa é usada por dentro da farda
• A gravata é da cor da saia, tipo borboleta
• Os sapatos são azul marinho ou preto e as meias brancas

FARDA BRANCA MASCULINA

• A farda masculina é composta de terno branco, camisa social branca, gravata azul marinho, sapato branco e meias brancas
• A calça dos homens, rapazes e meninos possui divisas. Ela é composta de 2 listras verdes colocadas a pouco menos de 1 cm da costura lateral da calça, uma para cada lado, acompanhando esta costura até embaixo. A escolha do material das divisas é livre.

FARDA AZUL MASCULINA

•  A farda azul masculina é composta de calça social azul marinho e camisa social branca (manga comprida), gravata azul marinho, sapato azul marinho ou preto e meia branca
• A camisa é usada por dentro da calça

A ESTRELA

O fardado recebe a estrela no momento do seu fardamento. A estrela é de seis pontas, o símbolo do Rei Salomão. Nela ainda a Lua simbolizando a Rainha da Floresta e da Águia, a ave que voa mais alto, símbolo da visão ilimitada e da nobreza, voando acima das nuvens negras da ignorância. Tanto homens quanto mulheres casados a usam do lado direito do peito, os solteiros (as), do lado esquerdo.

Observações Gerais:
• Os agasalhos são de preferência brancos, mas podendo também ser azuis (diversas tonalidades). De preferência, abertos na frente – as mulheres utilizam anáguas tanto na farda branca quanto na farda azul.
• Para as mulheres o uso de alguma blusa branca na farda azul acompanhada da estrela não é oficial
• na blusa feminina da farda azul oficial não é necessário o uso da estrela, pois ela já se encontra desenhada no bolso da camisa da própria farda.

Alfredo Gregório de Melo

fonte: www.santodaime.org (Céu do Mapiá – AM)